Nos acompanhe

Paraíba

Bruno edita mais um decreto com restrições mais severas em Campina Grande

Publicado

em

O prefeito Bruno Cunha Lima assinou, no final da noite desta sexta-feira, 4, mais um decreto aumentando a rigidez das medidas restritivas como uma reação ao avanço da covid-19 em Campina Grande, nos últimos dias. Há alterações em relação à horários de funcionamento do comércio, fechamento de parques públicos e aumento de fiscalização.

O decreto nº 4587, publicado no Semanário e já em vigor, estabelece que, no período entre 4 de junho a 18 de junho de 2021, os restaurantes, bares, lanchonetes, lojas de conveniência, praças de alimentação e estabelecimentos similares poderão funcionar com atendimento nas suas dependências das 6h às 16h, com 30% de sua capacidade máxima, respeitando-se a distância mínima de dois metros entre mesas e proíbe, antes e depois desse horário, a venda de qualquer produto para consumo no próprio estabelecimento.

Fica permitida a comercialização de produtos através dos sistemas de entrega domiciliar (“delivery”) e retirada no local (“takeaway”) não se enquadram nas limitações do caput do presente artigo. E para os shoppings, uma definição específica: nos dias 5, 6, 12 e 13 de junho, as praças de alimentação, restaurantes, bares, lanchonetes, lojas de conveniência e similares só poderão funcionar pelos sistemas de delivery.

Proibição também no decreto municipal para, dentro dos bares, restaurantes e similares, haver transmissão de jogos e competições desportivas.

No decreto, fica também determinado que os estabelecimentos do setor de serviços e o comércio poderão funcionar das 8h às 17h, sem aglomeração de pessoas nas suas dependências e observando todas as normas de distanciamento social e protocolos específicos do setor.

Comércio

O setor comercial, pelo decreto municipal, passará a funcionar em horários diferentes, de acordo com o setor geográfico. A intenção é clara: evitar aglomerações de pessoas no transporte urbano. No édipo, há um detalhamento sobre como se fará a dinâmica.

Esportes

No prazo de vigência do decreto, fica proibida a realização de eventos esportivos com público, como também é vedada a utilização de qualquer espaço esportivo, ainda que situado em condomínios edilícios, a exemplo de quadras, campos e estádios, piscinas, parques aquáticos, escolinhas de esporte, centros de esportes coletivos e espaços similares.

No setor esportivo, há apenas uma permissão: a realização, sem público, de jogos de campeonatos esportivos oficiais, desde que vinculados às Federações Estaduais ou às Confederações.

Igrejas

No período de vigência do decreto, as igrejas e instituições religiosas que estiverem seguindo as regras sanitárias em vigor poderão funcionar, limitadas ao percentual de 30% (trinta por cento) de sua capacidade, respeitando um distanciamento mínimo de 1,5m (um metro e meio) entre as pessoas. Mais uma vez, a excessão espacial dentro do templo se estende aos membros de núcleo familiar com convivência permanente.

Parques e clubes

Bruno Cunha Lima também decidiu por decreto fechar os parques públicos e privados, e os clubes recreativos, mantendo apenas as atividades de manutenção. Outra decisão: nos dias 5, 6, 12 e 13 de junho  fica proibida a utilização das pistas de caminhada e das ciclovias municipais, incluindo o entorno do Açude Velho, o Canal de Bodocongó e a Av. Juscelino Kubitschek para a realização de quaisquer atividades físicas.

Quanto às academias,  excetuando-se os dias 5, 6, 12 e 13 de junho, os estabelecimentos poderão funcionar no seu horário normal, observado o percentual de 30% de sua capacidade máxima e as normas sanitárias vigentes.

Há uma lista de dezenas de atividades que poderão funcionar nos dias 5, 6, 12 e 13 de junho, desde que observem os protocolos de higiene já estabelecidos.

Já a construção civil poderá funcionar das 6h30 até às 16h30, mantendo os protocolos sanitários vigentes para o setor. Só tem permissão para manter as atividades normais no setor as empresas contratadas para as reformas e as obras de construção de hospitais e clínicas médicas.

O decreto mantém, ainda, as mesmas penalidades para infratores e reincidentes, com multa de até R$ 50 mil.

Clique AQUI e confira o decreto

This error message is only visible to WordPress admins
Error: No posts found.
Continue Lendo

Paraíba

Azevêdo frustra expectativas e não garante PP na majoritária em 2022

Publicado

em

O governador da Paraíba, João Azevêdo (Cidadania), afirmou nesta sexta-feira (23) que não há garantias da presença do Partido Progressista (PP) na chapa majoritária que disputará as Eleições do próximo ano.

Segundo Azevêdo, a aliança realizada entre o seu partido, o Cidadania, e o PP, não foi feita com a vigência de um acordo para que ela se repetisse no pleito de 2022. Porém, a base será ouvida e, caso haja consenso, a dita aliança poderá acontecer. Mas, por hora, nada está definido.

Clique no player abaixo e confira o comentário feito pelo governador:

This error message is only visible to WordPress admins
Error: No posts found.
Continue Lendo

Paraíba

“João Pessoa estará pronta para receber turistas nas festividades de fim de ano”, garante prefeito

Publicado

em

O prefeito de João Pessoa, Cícero Lucena (PP), afirmou nesta sexta-feira (23) que a Capital paraibana estará pronta para receber turistas para as festividades de fim de ano.

Para tanto, segundo o gestor, basta que a população continue ajudando a gestão no combate ao avanço do número de infectados pelo vírus da Covid-19 em território pessoense, respeitando as medidas de Segurança Sanitária, como o uso de máscara, higienização com álcool gel e evitando aglomerações.

O prefeito ainda lembrou que a expectativa para a retomada do aquecimento no setor do Turismo também está sendo alimentada pelo avanço da campanha de imunização da população da Capital que já sente os resultados positivos da vacinação que fez cair drasticamente o número de internações em Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) por Covid-19 que, atualmente, corresponde a menos de 20% e, a cerca de 15%, em enfermarias.

Clique no player abaixo e confira o comentário feito por Cícero Lucena:

This error message is only visible to WordPress admins
Error: No posts found.
Continue Lendo

Paraíba

Cícero avalia que nomeação de Ciro Nogueira abrirá portas para João Pessoa

Publicado

em

A possibilidade da nomeação do senador Ciro Nogueira como novo ministro-chefe da Casa Civil tem sido vista com bons olhos pelo prefeito de João Pessoa, Cícero Lucena (PP).

Para Cícero, a nomeação de Ciro, que é presidente nacional do Partido Progressista, o PP do prefeito pessoense, poderá abrir portas para que a Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP) possa ter ainda mais sucesso na busca de recursos para realização de projetos e ações em benefício da população da Capital paraibana.

Clique no player abaixo e confira o comentário de Cícero sobre o assunto:

 

 

A chegada de Ciro ao cargo no Governo Federal se dará ainda em um momento de grande desgaste da gestão de Jair Bolsonaro (sem partido) à frente da Presidência da República e, portanto, o parlamentar terá também a missão de buscar uma relação menos espinhosa entre o Palácio do Planalto e o Congresso Nacional, principalmente, em tempos de uma CPI da Covid que investiga as possíveis omissões e falhas do Governo Federal no combate ao avanço da pandemia provocada pelo vírus da Covid-19 no Brasil.

This error message is only visible to WordPress admins
Error: No posts found.
Continue Lendo
This error message is only visible to WordPress admins
Error: No posts found.