Nos acompanhe

Paraíba

João lança Parque Tecnológico Horizontes de Inovação e assegura investimentos no Centro Histórico

Publicado

em

O governador João Azevêdo lançou, na sexta-feira (15), o Parque Tecnológico Horizontes de Inovação. A solenidade ocorreu no antigo Colégio Nossa Senhora das Neves, no Centro Histórico de João Pessoa, onde funcionará a sede do empreendimento e contou com as presenças da vice-governadora Lígia Feliciano; do prefeito da Capital paraibana, Cícero Lucena; do vice-prefeito, Léo Bezerra; do deputado federal Aguinaldo Ribeiro; do presidente da Assembleia Legislativa, Adriano Galdino; dos deputados estaduais Felipe Leitão e João Gonçalves; do presidente da Câmara Municipal de João Pessoa, Dinho Dowsley; do arcebispo da Paraíba, Dom Manoel Delson; além de auxiliares das gestões estadual e municipal.

O Parque Tecnológico foi criado com o objetivo de proporcionar um ambiente para fortalecer o estado como gerador e produtor de tecnologias, fomentando novas empresas, pesquisas e desenvolvimento. O espaço irá reunir o ecossistema de inovação, empreendedorismo e científico, o poder público estadual, municipal e demais entes, em articulação com outros ecossistemas nacionais e internacionais da inovação.

Na ocasião, o chefe do Executivo estadual ressaltou que o governo da Paraíba irá investir cerca de R$ 20 milhões de recursos próprios para viabilizar o empreendimento tecnológico no Centro Histórico de João Pessoa. “Nós queremos permitir que as empresas e as instituições de Ciência e Tecnologia tenham um espaço para compartilhar conhecimento e criar oportunidades para a nossa juventude. Nós vamos colocar esse projeto em prática o mais rápido possível porque isso trará emprego e renda com a união das gestões públicas e das empresas em benefício da cidade e a previsão é de que, em quatro meses, a gente já tenha o segmento de incubadores funcionando no espaço”, frisou.

Ele ainda elencou as ações desenvolvidas pela gestão estadual para contribuir com a revitalização do Centro Histórico. “Nós estamos realizando a reforma do prédio da Loteria do estado; vamos resgatar a oficina escola na Tito Silva; estamos concluindo a Escola Técnica de Artes, na antiga Central de Polícia; estamos fechando um convênio, em parceria com a Arquidiocese, para fazer a manutenção do Centro Cultural São Francisco; vamos implantar o Museu da cidade, na casa em que morou João Pessoa; e vamos entregar o Museu do Artesanato. Ainda estamos recuperando o Palácio da Justiça; fazendo a restauração de um prédio nas proximidades do Centro Administrativo, onde funcionará a Secretaria da Mulher e da Diversidade Humana; e ainda estamos pensando outros projetos, a exemplo de um novo uso do prédio da Polícia Militar na Praça Pedro Américo, uma vez que deveremos construir novas instalações para a corporação”, acrescentou.

O secretário de Estado da Educação, Ciência e Tecnologia, Cláudio Furtado, explicou que o Parque Tecnológico irá agregar várias maneiras de qualificação dos produtos que serão desenvolvidos no local.  “Um ambiente como esse irá oferecer uma grande estrutura para empresas e startups, com pessoas que darão mentoria, mostrando como fazer um processo inovador, o design de um determinado produto e como requalificar o software para um determinado aplicativo. Esses laboratórios criarão uma ambiência muito grande para que uma pequena empresa possa ter uma sobrevivência maior”, observou.

O prefeito Cícero Lucena afirmou que a gestão municipal dará sua contribuição para a consolidação do empreendimento com a recuperação do Centro Histórico. “Nós temos a certeza de que os projetos que a Prefeitura de João Pessoa está buscando viabilizar tem plena convergência com as ações do Governo do Estado. Nós buscamos melhorar a qualidade de vida da população, ofertando emprego, proporcionado o desenvolvimento turístico, conservando e preservando a história da cidade com uma visão inovadora e nos próximos quatro anos, está previsto um investimento de R$ 140 milhões para que possamos inovar a nossa cidade em itens como tecnologia e eficiência da gestão pública”, pontuou.

O deputado federal Aguinaldo Ribeiro disse que a implantação do Parque Tecnológico Horizontes de Inovação representa um momento importante para a história de João Pessoa e do estado. “Essa ação é um caminho que vem sendo adotado em todo mundo, com a requalificação dos Centros Históricos e com a visão de tecnologias e práticas verdes e eu desejo que daqui parta a iniciativa para que a gente possa requalificar o Centro de João Pessoa e que possamos ser exemplo para outras cidades. Tecnologia agrega valor e poderemos irradiar riquezas do ponto de vista humano e tecnológico em todas as áreas”, comentou.

Ainda participaram virtualmente da solenidade o superintendente do Sebrae-PE e presidente da Associação Nacional de Empreendimentos Inovadores (Anprotec), Francisco Saboya; e o presidente executivo da La Salle Technova Barcelona, Josep Miguel.

Parque Tecnológico Horizontes de Inovação – A estrutura física, que adotará os conceitos de sustentabilidade, abrigará diferentes espaços construídos com o intuito de se estabelecerem como ambientes de inovação: espaços de convivência; espaços para empresas âncoras; recepção interativa; espaço de conhecimento (com paredes de pesquisa e mesas touchscreen); espaços de coworking; espaços makers; espaços de P&D de soluções de alto rendimento; espaços de incubadoras e aceleradoras; espaço de robótica; praça de alimentação; e um auditório.

A iniciativa visa impulsionar o avanço da inovação especialmente nas áreas das tecnologias sociais para a saúde, tecnologias educacionais, economia criativa, soluções governamentais, turismo, planejamento urbano e cidades inteligentes e de tecnologias sustentáveis e,nesse contexto, atraindo para o estado investimentos nacionais e internacionais.

A gestão do Parque será constituída por meio de sociedade de economia mista, considerando o conceito de tríplice hélice, onde deverá ser formado um comitê gestor, composto por representantes do governo, setor produtivo e instituições de pesquisa em ciência e tecnologia.

O antigo Colégio das Neves, na Praça Dom Ulrico, ao lado da Catedral Basílica de Nossa Senhora da Neves, foi inaugurado em 1847. O terreno conta com 16.948 metros quadrados. O decreto 40.976, publicado na edição de 05 de janeiro do Diário Oficial do Estado, declarou o prédio como de utilidade pública para fins de desapropriação. A ocupação do prédio erguido no século XIX também é uma ação de revitalização do Centro Histórico da Capital paraibana.

Continue Lendo

Paraíba

Saída de partidos do ‘Blocão’ poderá diminuir poder de Hugo Motta na Câmara Federal

Publicado

em

O desembarque do MDB do chamado ‘Blocão’ na Câmara dos deputados, em Brasília, poderá fazer com que o federal paraibano Hugo Motta (Republicanos) diminua o seu poder na Capital federal.

De acordo com informações do Estadão, Motta, lidera o ‘blocão’ que é uma formação do início da legislatura que reúne 11 partidos de centro e toda a base do governo de Jair Bolsonaro (sem partido).

O grupo, lembra a matéria, atualmente conta com 324 deputados e é fundamental para aprovar os projetos de interesse do Governo.

Recentemente, Motta apoiou, em nome do bloco, o pedido de urgência ao projeto do líder do PSL, Major Vitor Hugo (GO), para dar a Bolsonaro o poder de instaurar uma condução típica de situações de guerra, tendo a pandemia como justificativa. A medida foi alvo de críticas e acabou naufragando antes mesmo de chegar ao plenário.

Intenção

A intenção do MDB, que é a quinta maior bancada da Câmara, com 34 deputados, é se unir ao Cidadania, que conta com seis deputados federais, para atuar de modo independente nas votações da Casa e já sinalizar uma possível aliança para as Eleições de 2022.

Depois de unidos, ambos irão em busca de mais uma legenda de centro para reunir até 60 deputados. O Solidariedade, que hoje conta com 14 deputados e está fora de qualquer bloco da Câmara, pode ser a terceira sigla desejada.

O presidente do Cidadania, deputado Roberto Freire, de Pernambuco, escreveu em suas redes sociais que a articulação com o MDB vai além do Congresso.

Também pela rede social, o presidente do MDB, Baleia Rossi, respondeu ao novo colega de bloco em agradecimento. “É muito bom estarmos juntos de novo na estrada da democracia e na defesa das pautas de interesse do povo brasileiro neste momento tão difícil para o País”.

Já o líder do Cidadania disse que a ideia pode resultar numa organização de polo democrático para 2022.

“Será uma união de partidos de centro para trabalhar pautas importantes na Câmara, especialmente as reformas, e que pode resultar numa organização de um polo democrático pro ano que vem”, disse o líder do Cidadania, Alex Manente (SP).

A nova aliança torna oficial o afastamento do MDB em relação ao Palácio do Planalto – o que já acontece com uma ala do partido liderada por Renan Calheiros (AL) no Senado – e sinaliza caminhos para uma aliança em torno de uma candidatura que dispute a Presidência contra Bolsonaro em 2022.

Articulador

Recentemente, Hugo Motta foi apontado pela imprensa nacional, ao lado do também deputado federal paraibano Wellington Roberto (PL), como um dos importantes operadores dos bastidores do poder, na Câmara Federal.

Hugo, de acordo com a imprensa, é considerado do baixo clero parlamentar, mas, assim como Roberto, um notório pela capacidade de articulação e negociação longe dos holofotes. (Clique aqui para conferir detalhes)

Continue Lendo

Paraíba

Posts exageram dimensão de obra do Exército na BR-230 na Paraíba

Publicado

em

Postagens nas redes sociais exageram a dimensão de uma obra realizada pelo Exército brasileiro na BR-230, a Transamazônica, no Estado da Paraíba. Uma dessas publicações diz que o Batalhão de Engenharia do Exército “asfaltou totalmente” a rodovia federal, que liga o litoral da Paraíba ao Amazonas, porém o Exército realizou a obra em apenas 8 km dela. Este post foi compartilhada ao menos 113,8 mil vezes no Facebook.

Continue Lendo

Paraíba

Veneziano anuncia recursos de R$ 450 mil para reformas no Corpo de Bombeiros de Campina Grande

Publicado

em

Durante entrevista esta semana à imprensa de Campina Grande, o Vice-Presidente do Senado Federal, Senador Veneziano Vital do Rêgo (MDB-PB), anunciou que conseguiu recursos no valor de R$ 450 mil para a execução de reformas na sede do Corpo de Bombeiros da cidade.

De acordo com o Senador Veneziano, esse montante será garantido através de emenda parlamentar, atendendo a uma aspiração do comandante do 2º CRBM, tenente coronel Jean Benício.

Diante disso, conforme Veneziano, será possível uma ampla recuperação da estrutura física do Corpo de Bombeiros campinense, que há muito tempo aguardava por essa conquista.

“É nosso compromisso, assumido há muito tempo, de lutar sempre pelos anseios da coletividade. Independente de resultados eleitorais municipais, nosso foco é buscar melhorias para a cidade”, destacou Veneziano.

Continue Lendo