Nos acompanhe

Paraíba

Agora é Lei: empresas e condomínios estão autorizados a realizar reuniões remotas

Publicado

em

Empresas e condomínios estão agora constitucionalmente autorizados a realizar reuniões e assembleia através de videoconferência enquanto vigorar o Decreto de Estado de Calamidade Pública, em decorrência da pandemia do novo coronavírus. A lei é de autoria do presidente da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), o deputado Adriano Galdino.

De acordo com o texto da lei, as pessoas jurídicas poderão realizar assembleia de forma remota, independentemente de previsão nos atos constitutivos. Segundo o presidente da ALPB, o modelo de reunião autorizado pela presente lei visa, principalmente, combater a propagação da covid-19, que atualmente, tem infectando e levado a óbito milhares de pessoas no Brasil e no mundo.

Galdino acrescenta que medidas que coíbem aglomerações evitam também a rápida disseminação do vírus, preservando a vida das pessoas.

O presidente acrescenta que a proposta tem como base garantir a saúde, que é um direito social de todo cidadão previsto na Constituição Federal. A lei foi publicada neste dia 06 de janeiro, mas com efeito retroativo ao dia 30 de dezembro.

Continue Lendo

Paraíba

Emissão do Cartão SUS segue acontecendo de forma online

Publicado

em

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) reforça que a emissão do Cartão SUS em João Pessoa segue acontecendo de forma virtual, por contato telefônico, a fim de evitar aglomeração de pessoas em ambientes fechados. Para organizar o contato e não sobrecarregar as linhas, cada Distrito Sanitário dispõe de números específico para atender aos usuários de cada região.

Devem buscar o serviço para a emissão do documento os usuários residentes em João Pessoa que ainda não tem o Cartão SUS e os que tiveram suas solicitações de consulta/exames/cirurgias não inseridas no Sistema de Regulação pelos polos distritais de digitação em virtude de necessidade de atualização de cadastro.

Para emitir o documento, mesmo por telefone, é necessário ter em mãos o Registro Geral (RG), Cadastro de Pessoa Física (CPF) e um comprovante de residência.

Cartão SUS e Vacina Covid – Em tempo, a SMS informa que o cartão SUS não é item indispensável para receber a dose da vacina contra o novo Coronavírus, podendo a população apresentar um documento de identidade com o número do CPF para receber o imunizante.

“É importante acalmar a população para que não tenha desespero em emitir o Cartão SUS para tomar a vacina, uma vez que será possível receber a dose apresentando o CPF. De toda forma, nosso serviço está disponível pelos telefones, principalmente para os que não tem o documento e precisam ter acesso aos demais serviços da rede SUS, como consultas e exames”, explica a coordenadora do Cartão SUS em João Pessoa, Alana Aguiar.

Confira os telefones para emissão do Cartão SUS por Distrito Sanitário: 

DISTRITO SANITÁRIO I: 98699-2182 e 98699-2179
Bairros: Alto do Mateus, Bairro das Indústrias, Bairro dos Novais, Costa e Silva, Oitizeiro, Cruz das Armas, Esplanada, Funcionários I, Jardim Planalto, Jardim Veneza

DISTRITO SANITÁRIO II: 98699-2185 e 98699-2180
Bairros: Boa Esperança, Colinas do Sul, Cristo, Cuiá, Ernani Sátiro, Funcionários II, Funcionários III, Geisel, Grotão, Jardim Itabaiana, João Paulo II, Rangel

DISTRITO SANITÁRIO III: 98699-2181 e 98699-2183
Bairros: Colibris, José Américo, Mangabeira, Mussumagro, Paratibe, Parque Do Sol, Valentina

DISTRITO SANITÁRIO IV: 98699-2184
Bairros: Bairro Dos Estados, Cordão Encarnado, Centro, Distrito Mecânico, Ipês, Ilha do Bispo, Jaguaribe, Mandacaru, Roger, Tambiá, Treze deMaio, Varadouro

DISTRITO SANITÁRIO V: 98699-2170
Bairros: Altiplano, Água Fria, Aeroclube, Bancários, Bessa, Cabo Branco, Castelo Branco, Cidade Recreio, Expedicionários, Jacarapé, Jardim Cidade Universitária, Jardim Miramar, Manaíra, Penha, Tambaú, Timbó, Torre, Quadra Mares, São José.

Caso não encontre o bairro na lista, o usuário deve ligar para: 98610-9259 ou 98811-1978, na coordenação do Cartão SUS, e informar o bairro, que será encaminhado para o telefone de atendimento.

Continue Lendo

Paraíba

Parceria entre Prefeitura e Estado vai reativar fonte interativa em praça

Publicado

em

A Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), em parceria com o Governo do Estado, já iniciou a solução do problema de tratamento de água da fonte interativa da Praça Desembargador Osias Nacre Gomes, no Jardim Oceania. O espaço foi interditado depois de uma fiscalização da Superintendência de Administração do Meio Ambiente (Sudema), em dezembro de 2020. Após denúncias de moradores da área, o órgão realizou a análise da água e constatou que a fonte estava imprópria para banho.

Durante a vistoria realizada nesta segunda-feira (18), equipes da Secretaria de Desenvolvimento Urbano (Sedurb) e da Companhia de Água e Esgoto da Paraíba (Cagepa), estabeleceram que a PMJP vai atuar com toda a automação, manutenção e zeladoria da fonte e da praça. Já a Companhia, ficará responsável pelo tratamento da água. A Sedurb já estabeleceu uma equipe fixa para o local e já está providenciando as adequações solicitadas pela Cagepa.

“Verificamos que a limpeza dos filtros do reservatório não foi feita desde a inauguração, por isso, o lixo conseguia entrar no local, colaborando para que a água não fosse apropriada para banho. Teremos tratamento especializado da água, um técnico da Sedurb para executar a manutenção do reservatório, trabalhando em parceria com a Companhia, que vai monitorar a qualidade da água. Tudo isso para que a população usufrua do espaço público com qualidade de vida. Afinal de contas, é inadmissível que uma fonte, pensada para crianças, estivesse funcionando de maneira insalubre”, explicou o secretário Fábio Carneiro (Sedurb).

A Cagepa também já está dando celeridade à solução do problema. “A princípio, faremos uma coleta para analisar a questão físico-química e ver como deveremos atuar a partir de agora. Forneceremos o tratamento adequado da água, com a aplicação de cloro, de maneira semanal. Após a conclusão da análise, veremos as condições microbiológicas e saberemos se será necessário outro tipo de serviço. Vamos ainda encaminhar uma equipe para, periodicamente, analisar o reservatório e executar o tratamento”, explicou Evanisa Trigueiro Dantas, química industrial e subgerente de Água e Esgoto da Cagepa.

Os moradores e trabalhadores do entorno da praça já estão felizes com o trabalho que está sendo realizado para a reativação da fonte. “Bastava ligar a água, que a gente já sentia o mau cheiro. Ninguém aguentava ficar perto. Teve criança, inclusive, que apresentou manchas na pele”, explicou o taxista Welton de Vasconcelos, que trabalha na lateral da praça.

Continue Lendo

Paraíba

Paraíba recebe os pacientes do Amazonas

Publicado

em

O Governo da Paraíba, por meio da Secretaria de Estado da Saúde (SES), organizou uma operação para receber os pacientes vindos do Amazonas, na madrugada desta segunda-feira (18). A ação foi uma força-tarefa entre a SES, o Ministério da Saúde, Ministério da Educação, por meio da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (EBSERH), e o Hospital Lauro Wanderley, em conjunto com a UFPB.

A aeronave pousou no Aeroporto Castro Pinto às 23h20. De acordo com o secretário de Saúde da Paraíba, Geraldo Medeiros, a SES disponibilizou 15 ambulâncias e todo o efetivo de corpo técnico para receber os pacientes. Ele afirma que essa é uma atitude de solidariedade e humanidade em um momento delicado no estado do Amazonas.

“Nós não podíamos nos furtar em receber os pacientes a partir do momento em que nossos irmãos amazonenses necessitam de espaços aqui na Paraíba. Em Manaus, nós observamos pessoas morrendo por falta de oxigênio. Então essa é uma atitude normal que eu considero necessária neste momento”, pontua.

O superintendente do Hospital Universitário Lauro Wanderley, Marcelo Tissiani, explica que o acompanhamento desses pacientes será realizado por uma equipe multidisciplinar constando médico, enfermeiros, técnicos de enfermagens, fisioterapeutas e apoio psicológico. Ele reforça que os pacientes estão em uma ala estritamente reservada e que os cuidados serão os mesmos, independente de ser uma nova variação do vírus.

“A partir de agora, de acordo com o quadro clínico de cada um a ser avaliado pelo médico, o tratamento vai ser de maneira individualizada para cada paciente. Para a comunicação entre eles e os seus familiares, contamos com o apoio da nossa equipe de psicologia e da Tecnologia da Informação. Colocaremos pacientes e familiares em contato. Isso faz com que o tratamento ocorra de uma maneira mais tranqüila, fazendo com que o lado emocional de certa maneira amenizado no momento de distanciamento social que eles se encontram”, destaca.

O secretário executivo de Saúde, Daniel Beltrammi, acompanhou toda a operação e elogiou a rapidez e segurança da ação. “Entre a chegada da aeronave, o toque do pneu no chão, até a saída da nossa ambulância de suporte à vida, 55 minutos, equipes absolutamente atentas e coordenadas. Foi um processo seguro e que nós também pudemos fazer um gesto de acolhimento a esses irmãos e irmãs que chegaram vindos de uma situação tão difícil. Absoluto sucesso, a SES está de parabéns, ainda bem que a Paraíba pode colaborar com o Brasil nesse momento difícil”, completou.

As coletas do exame de Swab já foram realizadas e as amostras se encontram no Laboratório Central de Saúde Pública da Paraíba (Lacen-PB) para fazer o sequenciamento. O intuito é saber se os pacientes são portadores de uma variante do coronavírus.

Continue Lendo