Nos acompanhe

Paraíba

Famup quer gestores municipais participando do I Congresso Virtual de Direito Eleitoral da Paraíba

Publicado

em

A Federação das Associações dos Municípios da Paraíba (Famup) está realizando campanha de incentivo para que gestores municipais participem do I Congresso Virtual de Direito Eleitoral da Paraíba, promovido pelo Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB) e realizado por meio da Escola Judiciária Eleitoral (EJE-PB), pela Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional Paraíba (OAB-PB) e pelo Ministério Público Federal (MPF).

“Este será uma evento em que participarão órgãos controladores do Direito Eleitoral, a exemplo do Ministério Público Federal e Estadual. São pessoas que julgam as prestações de contas. Pessoas importantes e que estão dispostas a mostrar os caminhos corretos para boa política. São autoridades que se deram a honra de parar suas atividades para ensinar ao povo o trajeto correto em diversos temas eleitorais”, destacou o presidente da Famup, George Coelho.

Em pauta serão abordados importantes temas relacionados às Eleições Municipais 2020: registro de candidatura, participação feminina, ficha limpa, propaganda eleitoral, fake news, conduta vedada, abuso de poder e pandemia.

O Congresso terá início na quinta-feira (17), a partir das 19h, e segue até a sexta-feira (18). O evento traz ao centro do debate nesses dois dias, nomes como o desembargador José Ricardo Porto; o Ministro do Tribunal Superior Eleitoral, Carlos Bastilde Horbach; o juiz Membro do TRE-PB, Arthur Fialho; o advogado e ex-Juiz do Tribunal Eleitoral da Paraíba, Newton Vita; a assessora do Ministro Edson Fachin, do STF, dra. Poliana dos Santos; a desembargadora Maria de Fatima Bezerra Cavalcanti; a advogada e ex-Ministra do Tribunal Superior Eleitoral, Luciana Lóssio; a juíza integrante do TRE-PB, Michelini de Oliveira D. Jatobá; o procurador Regional Eleitoral, Rodolfo Alves Silva; a advogada e Presidente da Comissão de Direito Eleitoral da OAB/PB, Adriana Rodrigues; o vice-presidente do Tribunal Eleitoral da Paraíba, o d esembargador Joás de Brito Pereira Filho; o Ministro Carlos Mário da Silva Velloso Filho; o advogado e Presidente do Colégio Permanente dos Juristas da Justiça Eleitoral, Telson Luís Cavalcanti Ferreira; a assessora da Presidência do TRE-PB, dra. Andreia Ribeiro de Gouvêia, e do advogado e coordenador geral da ABRADEP, Marcelo Weick.

A Famup lembra a seus associados que as inscrições são gratuitas e já estão abertas.

Continue Lendo

Paraíba

“A debandada está só no começo”, diz Wallber sobre “ensaio” de candidatura própria do MDB em 2022

Publicado

em

Quem comemorou os rumores de rompimento do MDB do arco de alianças do governador João Azevedo foi o deputado de oposição Walber Virgolino (PSL). Para  deputado, a “falta de consistência” do governador resultará e debandada de partidos.

“A situação não tem consistência, né? Aqueles deputados, aqueles que estão próximo ao governador é com interesse em alguma coisa. Seja cargos, ou dinheiro ou poder. E o fortalecimento das oposições, os nomes que a oposição está apresentando a debandada está só no começo”, disse Walber.

De acordo com o deputado, parlamentares do lado do governo já começaram a procurar a oposição. “O governador João Azevedo caminha para ficar só, para ficar solitário. Alguns deputados estão entrando com a oposição, visando uma aliança no primeiro ou no segundo turno”, destacou.

Walber apontou que outros partidos já estão negociando saída do arco de alianças de João Azevedo.

Confira o áudio:

Continue Lendo

Paraíba

Eleições 2022: “Fui procurado por lideranças que fazem parte do governo”, diz líder da oposição

Publicado

em

O líder da oposição na Assembleia Legislativa da Paraíba, deputado Cabo Gilberto, também é dos que acreditam na debandada dos aliados do governador João Azevedo. Na tarde de hoje, Cabo Gilberto destacou que até o PP deve deixar a aliança.

“Já estávamos falando há bastante tempo, não só o MDB, mas outros partidos que fazem parte do governo como o próprio PP que pode lançar a candidatura da senadora Daniella.”, apontou Cabo Gilberto.

O deputado revelou que á foi procurado por lideranças da situação. “Todos estão abandonando João. Isso é só uma questão de tempo. Eu fui procurado por várias lideranças que fazem parte da base do governo para virem para oposição.”.

Ouça o que disse Cabo Gilberto

Continue Lendo

Paraíba

“Fica evidenciado que eu estava certo”, ironiza Nilvan sobre “candidatura” de Veneziano pelo MDB

Publicado

em

Depois da defesa veemente do presidente do MDB em João Pessoa, Mikika Leitão, pelo rompimento com o governador João Azevedo e anuncio de candidatura própria com o possível nome do senador Veneziano para encabeçar chapa, foi a vez do ex emedebista Nilvan Ferreira (PTB) comentar a iniciativa.

Enquanto era do partido, o 2º colocado nas eleições de João Pessoa e maior nome das oposições na Capital, Nilvan Ferreira foi criticado pela defesa de que o MDB deveria assumir protagonismo. “Se for comprovado fica evidenciado que quem estava certo era eu, né? De que o MDB deveria ter uma postura mais independente de governo. Não poderia ter o MDB se abaixado tanto para governo. Deveria ter adotado as posturas que tomaria o ex senador José Maranhão”, disse.

Ponderado, Nilvan disse que respeita as postulações de outros partidos, mas seguirá no propósito da sua atual legenda, o PTB, de se manter firme a reeleição do presidente Bolsonaro e eleger deputados federais e estaduais na Paraíba.

Confira o áudio:

Continue Lendo