Nos acompanhe

Paraíba

Secretaria de Saúde de Campina vacina mais de 1.500 pessoas e divulga lista com nomes de vacinados

Publicado

em

A Secretaria Municipal de Saúde de Campina Grande divulgou um balanço parcial da campanha de vacinação da Covid-19 no município. Até o momento, foram imunizadas 1.590 pessoas na cidade, sendo 1.527 profissionais de saúde da linha de frente do combate ao novo coronavírus e 63 idosos do Instituto São Vicente de Paulo.

Como forma de dar transparência ao processo de administração das doses da vacina, a Secretaria de Saúde também divulgou uma lista parcial com os nomes das pessoas vacinadas. A lista será atualizada diariamente e está disponível através do link https://campinagrande.pb.gov.br/lista-dos-vacinados-covid-19/. A lista também está sendo enviada ao Ministério Público da Paraíba.

“Desde o início do processo da campanha de vacinação, temos estruturado estratégias para aplicar todos os critérios técnicos e objetivos. Esse trabalho de transparência e publicidade dos nossos atos comprova a nossa seriedade na condução dessa imunização”, disse o Secretário de Saúde, Filipe Reul.

As vacinas foram aplicadas nos trabalhadores do Complexo Hospitalar Municipal Pedro I, no Hospital das Clínicas, Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), Instituto de Saúde Elpídio de Almeida (ISEA), Hospital da Criança e do Adolescente (HCA) e Unidades de Pronto Atendimento (UPAs).

Até a próxima terça-feira, 26, a Coordenação de Imunização deve aplicar o restante do total de 4.194 doses recebidas para esta primeira etapa, contemplando os profissionais desses serviços de saúde que ainda não foram contemplados e os idosos que moram em outras casas de permanência. No total, são 467 idosos nesta situação.
Outro grupo que também será vacinado até a próxima semana são pessoas com deficiência vivendo em instituições. Em Campina Grande, 34 pacientes de saúde mental moram em residências terapêuticas públicas.

A Secretaria também disponibilizou um link de cadastramento para agendar a vacinação dos trabalhadores em saúde de outros setores. O link está disponível em https://forms.gle/YJ2bqF5dEgJfmRgB7. Somente após o envio de mais doses, a Coordenação Municipal de Imunização vai ampliar a cobertura vacinal para outros públicos, como os profissionais das Unidades Básicas de Saúde e a população idosa em geral.

Continue Lendo

Paraíba

Secretaria de Saúde de Campina Grande inicia vacinação com idosos em casas de permanência

Publicado

em

A Secretaria de Saúde de Campina Grande iniciou na quarta-feira, 20, a vacinação da Covid-19 nos idosos a partir de 60 anos de idade vivendo em casas de longa permanência. A imunização foi iniciada com 63 idosos do Instituto São Vicente de Paulo.

“Os idosos dos lares e abrigos fazem parte desse grupo prioritário da primeira etapa da campanha de vacinação porque formam um público extremamente vulnerável. Desde o início da pandemia, temos dispensado toda a atenção em cuidados para os idosos dessas casas de permanência”, disse o Secretário de Saúde, Filipe Reul. A Coordenação de Imunização vai realizar o agendamento para a imunização nas outras instituições.

A Secretaria de Saúde também deu sequência à aplicação de doses nos profissionais de saúde trabalhando nos serviços de tratamento de pacientes com o novo coronavírus. Na quarta, foi concluída a imunização dos trabalhadores do Complexo Hospitalar Municipal Pedro I e do Hospital de Clínicas.

Na quinta-feira, 21, também foram sendo vacinados os profissionais de saúde do Hospital da Criança e do Adolescente (HCA), das duas Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) e do Instituto de Saúde Elpídio de Almeida (ISEA).

Além dos idosos e dos trabalhadores, a primeira etapa também contempla as pessoas com deficiência institucionalizadas, ou seja, que residem em casas de permanência. É o caso dos pacientes de saúde mental das Residências Terapêuticas. A aplicação da vacina para este público deve ser iniciada na próxima semana.

Continue Lendo

Paraíba

Vice-prefeito de Sapé é levado para UTI após ser diagnosticado com o vírus da Covid-19

Publicado

em

O vice-prefeito do município de Sapé, Renan Furtado (PROS), precisou ser internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) após ser diagnosticado com o vírus da Covid-19, nesta quinta-feira (21).

De acordo com informações divulgadas pela sua assessoria, num primeiro momento, o vice-prefeito teria sido acometido por uma síndrome gripal, logo depois, foi constatada uma crise asmática aguda que o levou a seguir à risca a recomendação médica de se manter em repouso absoluto. Porém, ao ser submetido a uma nova bateria de exames, foi positivado para o vírus.

Renan Furtado está internado na UTI do Hospital Nossa Senhora das Neves, localizado no município de João Pessoa e, de acordo com a equipe médica o seu estado de saúde permanece estável.

Além de vice-prefeito de Cuité, município localizado na Região do Curimataú paraibano, Renan também é presidente municipal do Partido Republicano da Ordem Social (PROS) e jurista.

 

Continue Lendo