Nos acompanhe

Brasil

Deputados querem ‘desburocratização’ de linhas de crédito durante a crise

Publicado

em

Congressistas da Frente Parlamentar de Defesa do Comércio, Serviços e Empreendedorismo estão articulando emendas para a MP 927 que garanta que micro e pequenos empreendedores sobrevivam à crise do coronavírus.
São duas medidas consideradas essenciais, definidas em reunião na última segunda-feira entre a frente e a União Nacional das Entidades de Comércio e Serviço (Unecs): a primeira é postergar obrigações tributárias, medida que está sendo tomada em outras partes do mundo. A segunda emenda garantia que as linhas de crédito destinada ao setor sejam desburocratizadas, destaca publicação do BR Político.

“Na regra geral, para ter acesso a um empréstimo do governo você não pode estar devendo, você tem de ter uma certidão de débito negativa. Nesse momento, ninguém vai conseguir. Então não adianta dar crédito que não vai virar investimento”, defende o coordenador da frente, Efraim Filho (DEM-PB). Outra solução, segundo Efraim, seria a injeção direta dos recursos, como por exemplo no pagamento de salários dos funcionários.

Continue Lendo

Brasil

Presidente nacional do PSB estranha empenho do PT em apoiar Ricardo e diz que siglas estão rompidas

Publicado

em

O presidente nacional do PSB, Carlos Siqueira, revelou ao programa Correio Debate, da Rádio 98 FM, nesta terça-feira (22), que estranha o empenho do PT em apoiar a candidatura de Ricardo Coutinho (PSB) a prefeito de João Pessoa, uma vez que as legendas estão oficialmente rompidas há algum tempo.

Ao ser questionado se o nome de Ricardo Coutinho é referendado pelo diretório nacional do partido, Siqueira afirmou que “diferentemente do PT, quem decide questão de eleição municipal é o congresso municipal do PSB. Se o congresso decidiu por ele nós respeitamos. É uma decisão que eu não posso mudar”.

Clique no player abaixo e confira a íntegra da fala do presidente Siqueira:

Continue Lendo

Brasil

Auxílio Emergencial turbinou arrecadação tributária na Paraíba e em mais onze Estados brasileiros

Publicado

em

O Auxílio Emergencial do Governo Federal direcionado para socorrer pessoas com dificuldades financeiras provocadas pela pandemia do vírus da Covid-19, turbinou a arrecadação tributária na Paraíba.

De acordo com a informação publicada no site da Folha, o cenário se repetiu com mais intensidade em estados do Norte e do Nordeste, mas também foi sentido no Sul do país.

Dados de arrecadação de notas fiscais eletrônicas mostram resultado positivo na Paraíba e em mais 11 estados (RS, RJ, ES, PI, BA, AL, AC, RN, RO, RR e SE) em agosto, apesar das atividades parcialmente paradas. Em setembro, até a última sexta (18), o percentual de crescimento médio é de 11,94% em relação a 2019.

A redução do benefício para R$ 300 preocupa governadores. Neste domingo, Wellington Dias (PT-PI) enviou uma carta a líderes estaduais sugerindo um plano para impulsionar a economia à medida que este e outros estímulos começam a encolher.

Continue Lendo

Brasil

Lauro Jardim: PT dá golpe em João Pessoa para apoiar Ricardo Coutinho

Publicado

em

O PT de João Pessoa sofreu uma intervenção nacional do partido. Horas depois da convenção que oficializou a candidatura do deputado estadual Anísio Maia à prefeitura da capital da Paraíba, o diretório municipal teve a decisão cassada pelo comando da legenda.

De acordo com matéria postada na coluna de Lauro Jardim, em O Globo, a pedido de Lula, a direção nacional determinou o apoio ao ex-governador e ex-prefeito Ricardo Coutinho (PSB), que se lançou de última hora na disputa.

Acusado pelo Ministério Público de chefiar uma organização criminosa, Coutinho chegou a ser preso pela Operação Calvário. Decidiu concorrer à prefeitura para tentar agregar o que lhe restou de aliados e exigiu de Lula retribuição ao apoio que sempre ofereceu dentro do PSB ao ex-presidente e a Dilma.

Para minimizar o constrangimento, os caciques petistas dizem que Coutinho é “aliado antigo” e é coerente o partido apoiá-lo. O PT deve ocupar a vice na chapa. O nome ainda não foi escolhido porque a legenda na capital paraibana ainda não digeriu a decisão.

Continue Lendo