Nos acompanhe

Paraíba

Coronavírus: Prefeitura de João Pessoa higieniza mercados da Torre, Mangabeira, Central e Oitizeiro

Publicado

em

A Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP) está dando continuidade, nesta quarta-feira (25), ao trabalho de higienização dos mercados públicos da Capital. O serviço, coordenado pela Secretaria de Desenvolvimento Urbano (Sedurb), Centro de Vigilância Ambiental e Zoonoses (CVAZ), Defesa Civil, Vigilância Sanitária e a Autarquia Especial Municipal de Limpeza Urbana (Emlur), foi realizado nos Mercados Central, da Torre, de Mangabeira e de Oitizeiro. Ainda nesta quarta o Mercado do Bairro dos Estados também será higienizado.

O serviço faz parte do esquema de prevenção e combate a Covid-19 e iniciou nesta terça-feira e vai abranger todos os 18 mercados públicos e espaços destinados à realização de feiras na cidade. O trabalho começou pela Feira de Jaguaribe. “Nesse momento, em que a população só deve sair de casa em casos de extrema necessidade, nos preocupamos com a higienização desses espaços, uma vez que a população precisa estar abastecida de alimentos”, explicou Zennedy Bezerra, secretário de Desenvolvimento Urbano.

Cronograma – O serviço está seguindo um cronograma elaborado pelas secretarias envolvidas. Segundo o esquema, nesta quinta-feira (26) serão higienizados os mercados do Bessa, Cruz das Armas e Rangel. “Trata-se de um esforço coletivo para garantir a salubridade desses ambientes. No cenário atual, a nossa prioridade é garantir a saúde dos moradores”, explicou Noé Estrela, coordenador da Defesa Civil.

Funcionamento – A Sedurb, pasta responsável pela administração dos mercados, também está disciplinando o horário de funcionamento desses locais. A Feira de Jaguaribe, que tradicionalmente acontece às quartas-feiras, passa a acontecer a cada 15 dias, durante o período de quarentena. No Mercado de Mangabeira, o funcionamento acontece até às 13h30 e o Mercado da Torre até às 16h.  Lembrando que só estará funcionando o setor de frutas e verduras, demais pavimentos tiveram os serviços suspensos. Já a Central de Comercialização da Agricultura Familiar (Cecaf), no José Américo, permanece fechada.

“Lembrando que só estão funcionando os pavimentos de frutas e verduras, demais áreas dos mercados tiveram as atividades suspensas. A Cecaf está fechada porque recebe agricultores de mais de 120 municípios do estado. Neste momento, achamos por bem suspender o funcionamento como medida de prevenção contra o novo coronavírus”, reiterou Zennedy.

Continue Lendo

Paraíba

PSDB perde representantes e sob o comando de Pedro fica sem vereadores em Campina Grande

Publicado

em

Com as mudanças ocorridas nos últimos minutos da janela eleitoral, alguns partidos, antes grandes e poderosos na Paraíba, acabaram minguando e ficando fragilizados.

Como o Blog revelou ontem, segunda-feira (06), em João Pessoa 8 legendas ficaram acéfalas na CMJP após as trocas feitas pelos parlamentares, MDB e PSB são exemplos, destaca publicação do Blog do Ninja.

Na Câmara Municipal de Campina Grande também não foi diferente e o PSDB, antes tão grandioso em representatividade, mas que nesta legislatura já contava apenas com o vereador licenciado Nelson Gomes Filho e os suplentes Ivan Batista e Marcos Raia, também perdeu sua representatividade sob o comando estadual do deputado federal Pedro Cunha Lima.

Os três políticos migraram para o PSD presidido estadualmente pelo prefeito Romero Rodrigues.

Continue Lendo

Negócios

Coronavirus: Deputado pede ao governador e prefeitos a reabertura do comércio em toda a Paraíba

Publicado

em

O deputado estadual Cabo Gilberto Silva (PSL), utilizou as redes sociais para solicitar ao governador João Azevedo e prefeitos de toda a Paraíba que autorizem a reabertura gradativa das atividades do comércio, como forma de amenizar os prejuízos já contabilizados em decorrência da pandemia do novo coronavírus que assola todo o mundo.

“Faço um apelo ao senhor governador e aos prefeitos do Estado da Paraíba, para permitir que o comércio volte de forma gradativa às suas atividades. Precisamos de um meio termo, da forma que está não iremos aguentar”, disse Cabo Gilberto Silva. “Não paro de receber ligações e mensagens dos comerciantes e das pessoas que estão sem pagar suas contas. Toda Paraíba está sofrendo com essa situação, vamos evitar um colapso no abastecimento”, completou.

Confira a publicação:

Continue Lendo

Paraíba

29 açudes monitorados pela Aesa sangram e Boqueirão está com 63,72% da capacidade

Publicado

em

Vinte e nove açudes monitorados pela Agência Executiva de Gestão das Águas do Estado (Aesa) estão sangrando. O destaque é para o São Gonçalo, em Sousa, que comporta 40 milhões de metros cúbicos, a maior entre os reservatórios que estão com capacidade máxima. A lista completa, com situação atual dos 134 açudes monitorados pelo Governo do Estado está disponível no site aesa.pb.gov.br.

Até a manhã desta terça-feira (7) a barragem de Coremas, localizada no município de mesmo nome, estava com 38,38% da capacidade, o equivalente a 285.572.996 m³. Mãe d’Água, que também fica na cidade de Coremas, estava com 38,12% (207.739.952  m³). O açude Epitácio Pessoa, localizado em Boqueirão, acumulava 63,72% (297.264.887 m³). Em Cajazeiras, o açude Engenheiro Avidos estava com 44,01% (129.210.444 m³) e o reservatório de Acauã, em Itatuba, tinha 12,84% (32.477.177 m³). Estes são os cinco maiores açudes da Paraíba.

As chuvas proporcionaram recargas importantes dos açudes. A rede de pluviômetros do Governo do Estado revelou que Cajazeiras é a cidade onde mais choveu este ano, com 1.237, 9 milímetros. Na sequência vêm os municípios de Nova Olinda (1.074 mm), São José de Piranhas (967,3 mm), Cachoeira dos Índios (948,5 mm) e Boa Ventura (929 mm). Os dados são referentes ao período de 1 de janeiro a 7 de abril.

Continue Lendo