Nos acompanhe

Paraíba

Ponto de Cem Réis: Abertura do Carnaval de Boa com Jonas Esticado atrai milhares de foliões

Publicado

em

Nem o clima chuvoso diminuiu a animação da multidão de foliões que foi ao Ponto de Cem Réis, no Centro Histórico, na noite desta quinta-feira (13), participar da abertura do projeto Folia de Rua 2020, que teve desfile de blocos, shows de Jonas Esticado, Ramon Schnayder e apresentação da Escola de Samba Malandros do Morro. O evento, que conta com o apoio da Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), faz parte do Carnaval de Boa 2020, cuja programação se estende até o próximo dia 24, com desfiles de blocos em diversos bairros da cidade.

O Carnaval de Boa está entre uma série de ações promovidas pela Prefeitura de fomento a cultura e valorização do Centro Histórico, que vem fortalecendo o turismo e a economia criativa na Capital paraibana. O secretário executivo da Fundação Cultural de João Pessoa (Funjope), Maurício Burity, destacou o bom momento que atravessa a cidade, amplamente divulgada por publicações especializadas em turismo e cultura, além de estar inserida no rol das Cidades Criativas da Unesco.

“O Carnaval começa aqui no Centro Histórico, que é um bairro que a Prefeitura de João Pessoa tem valorizado muito, com ações de revitalização e resgate da nossa cultura. Em seguida, o evento percorre o Via Folia, na Avenida Epitácio Pessoa, com grandes nomes da nossa música que vão animar nosso povo e os turistas que nos visitam nessa época. O nosso Carnaval contempla todas os estilos, desde a cultura popular, com os grupos de frevo, alas ursas, escolas de samba, como também outros ritmos, o axé”, afirmou Maurício Burity.

A festa combinou a tradição do Carnaval de rua, com desfile dos blocos Anjo Azul, Pinguim, da Cueca e Confete e Serpentina, embalados pelo ritmo do frevo e marchinhas carnavalescas, além de atrações musicais conhecidas do grande público. Neste caso, Jonas Esticado e Ramon Schnayder atenderam a expectativa da multidão. “Estou muito feliz e realizado pela oportunidade de abrir o Folia de Rua, mostrando o melhor da minha música. Muito agradecido a Prefeitura de João Pessoa pelo convite, de poder fazer parte desse belíssimo Carnaval”, disse Jonas Esticado.

Entre os milhares de foliões espalhados pelo Ponto de Cem Réis, tinha de tudo um pouco. Gente brincando em família, com ou sem fantasia, e em grupos, vindos de vários bairros da Capital. “Nosso Carnaval está cada vez melhor, desde as atrações como na organização, muito tranquilo”, disse a estudante Ana Monteiro, que estava acompanhada de mais três amigas. “Vamos aproveitar todos os dias. Hoje, aqui, é só o começo”, contou Júlia Thaís, outra integrante do grupo de foliões.

Estrutura – Para garantir uma folia com segurança e tranquilidade, a PMJP disponibilizou os serviços de várias secretarias, que atuaram em conjunto nas áreas de saúde, segurança urbana, ordenamento urbano e mobilidade.

Programação desta sexta-feira (14/02)

Bloco Vumbora

Concentração: Via Folia, Av. Epitácio Pessoa, 20h

Atração: Bell Marques

Continue Lendo

Paraíba

Calvário: Gaeco apreendeu sapatos e óculos de grifes internacionais com Maria Laura; Veja as fotos

Publicado

em

EXCLUSIVO: A organização criminosa liderada pelo ex-governador e ex-presidiário Ricardo Coutinho (PSB), responsável por desviar milhões dos cofres públicos estaduais, luxou, ostentou e “sapateou” na cara da sociedade paraibana.

Após divulgar com exclusividade joias apreendidas na Operação Calvário pelo Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado (Gaeco), na residência do ex-procurador e ex-presidiário Gilberto Carneiro, o RádioBlog traz, também com EXCLUSIVIDADE, imagens de sapatos de grife apreendidos na casa de Maria Laura, então secretária de Gilberto Carneiro e “caixa” da organização criminosa, presa durante as investigações e solta após fazer delação premiada e entregar o restante da quadrilha.

Leia também:

Fotos: Gaeco apreendeu joias em ouro, colares de pérolas e brilhantes na casa de Gilberto Carneiro

Os calçados são das grifes internacionais Louis Vuitton e Christian Louboutin. Em consulta aos sites oficiais das grifes, é possível verificar que cada par de sapatos das marcas não sai por menos de R$ 5 mil. Também foram apreendidos óculos das grifes internacionais Versace, Salvatore Ferragamo e Dolce Gabbana.

Confira abaixo imagens dos calçados e óculos de grifes apreendidos em poder de Maria Laura:

Continue Lendo

Notícias

Caso das tornozeleiras: “A esquerda continua perdendo valores e referências”, dispara Nilvan

Publicado

em

A nota divulgada na noite de ontem (27) pelos partidos de esquerda PT, PCdoB, PSB e algumas entidades, onde atacam o desembargador Ricardo Vital pela determinação do uso de tornozeleiras eletrônicas pelos réus da Operação Calvário, foi tema de comentário do radialista Nilvan Ferreira, no Correio Debate, da 98,3 FM de João Pessoa. “A esquerda continua perdendo valores e referências”, disparou Nilvan Ferreira.

Durante o comentário, Nilvan questiona se os partidos que assinaram a nota escutaram o áudio de Ricardo Coutinho negociando propina com Daniel Gomes, operador do esquema corrupto dentro da Cruz Vermelha. “Vocês estão capengas, não conseguem formatar um pensamento que consiga convencer a sociedade do que verdadeiramente pensam e representam para o Brasil e para a Paraíba”, disse.

Confira a íntegra do comentário:

Continue Lendo

Paraíba

Tesoureiro que desviou recursos de contribuições previdenciárias é condenado por improbidade

Publicado

em

Por ter desviado recursos em proveito próprio, destinados ao pagamento das contribuições previdenciárias dos vereadores e servidores da Câmara Municipal de Araruna, o então tesoureiro, à época dos fatos (21/10/2013 a 21/03/2014), Railson Felipe Ribeiro Rodrigues, foi condenado pela prática de improbidade administrativa nas seguintes penalidades: ressarcimento integral da despesa, suspensão dos direitos políticos por cinco anos e proibição de contratar com o Poder Público pelo prazo de cinco anos. A sentença, nos autos da ação nº 0000498-60.2016.8.15.0061, é da juíza Clara de Faria Queiroz, da 1ª Vara Mista de Araruna.

Destaca a denúncia do Ministério Público que o promovido confessou a prática ilícita, relatando a dinâmica utilizada, que consistia no recebimento da Guia da Previdência Social (GPS) do contador da Câmara, referente às prestações previdenciárias, e os cheques para saldar os valores correspondentes do Presidente da Casa, quando, então, deixava de pagar o montante devido ao INSS e depositava os valores em sua conta pessoal. Posteriormente, escrevia os valores dos depósitos nas guias das contribuições e as entregava ao contador, como se tivesse cumprido com seu dever funcional.

O Inquérito Civil n° 000146/20l5 da Promotoria de Justiça de Araruna apontou que os desvios alcançaram o montante de R$ 89.359,99, valores já devolvidos na esfera administrativa. Em sua defesa, o promovido requereu que fosse aplicado o perdão judicial, considerando a devolução do dinheiro público.

Na sentença, a juíza Clara de Faria afirmou que a conduta caracteriza ato de improbidade administrativa. “O ato do representado configura inobservância ao princípio da legalidade e de transparência ante a administração pública, em virtude de que sua conduta em deixar de recolher valores descontados em favor do Instituto de Previdência Social criou despesas financeiras ocasionadas pela natural correção monetária e juros moratórios, gerando o endividamento do Município com encargos financeiros”, ressaltou.

Da decisão cabe recurso.

Continue Lendo