Nos acompanhe

Paraíba

Operação Calvário: Gravado, Ricardo Coutinho diz que Aguinaldo Ribeiro é uma pessoa inconfiável

Publicado

em

Assim como fez com Coriolano Coutinho, o delator na Operação Calvário, Daniel Gomes, gravou conversa com o ex-governador Ricardo Coutinho (PSB), oportunidade em que tratavam do plantio de maconha em terras da Universidade Federal da Paraíba, voltada para o estudo das propriedades farmacêuticas da erva, a sintetização e até mesmo a venda da cannabis para laboratórios que produzem medicamentos a base de canabindol.

O áudio faz parte dos arquivos pertencentes às investigações da Operação Calvário, disponibilizados à imprensa.

Leia também:

Grampo: Presos na Calvário pretendiam plantar maconha em terras da Universidade Federal da Paraíba

Durante a conversa, Daniel Gomes pergunta sobre Aguinaldo Ribeiro, se existe alguma forma de Ricardo Coutinho facilitar andamentos no Ministério da Saúde. Ricardo Coutinho diz que Aguinaldo é uma pessoa “inconfiável” e que “todo mundo se dá mal com ele”. Eles discutem sobre o PP e Ricardo Coutinho diz que é melhor eles não saberem sobre a empresa porque eles (o PP) querem só dinheiro.

Confira o áudio:

 

Confira a transcrição:

DANIEL: … só pra o senhor entender, ô… o ministério hoje ele compra desse produto aqui 150 milhões de reais por ano… que… qual que é o acordo… ele vai garantir a compra pra CRISTÁLIA… a CRISTÁLIA… durante os 5 primeiros anos… por que enquanto a TECNIMED transfere a tecnologia pra gente… depois do quinto ano nós assumimos a compra… nesse meio tempo a gente já fica com parte do resultado… mas, a CRISTÁLIA fica com a parte da produção… depois desses 5 anos ficamos com o resultado e a produção… então é… é muito legal esse projeto… eu não sei como é que tá sua relação com AGNALDO RIBEIRO… eu não sei se tem alguma relação com ele hoje…

RICARDO COUTINHO: Tenho não…

DANIEL: …por que o PP é que tá comandando o ministério…

RICARDO COUTINHO: É, eu não tenho… AGNALDO é uma pessoa inconfiável…

DANIEL: É… todo mundo já me falou isso…

RICARDO COUTINHO: É inconfiável… e… todo mundo se dá mal com ele…

DANIEL: É, e eu… e eu… eu confe… o PP, de um modo geral, é difícil…

RICARDO COUTINHO: É!

DANIEL: …eu confesso… que eu não… não… não procurei nenhum caminho por lá…

RICARDO COUTINHO: Eles… sem… se não… se não puder… se eles puderem não saber de nada sobre…

DANIEL: É melhor…

RICARDO COUTINHO: … a empresa… o que é que eles querem!!?? Eles querem só dinheiro…

DANIEL: É, eu sei disso… PP é complicado…

RICARDO COUTINHO: Só… só isso… eles num… num

DANIEL: Eu até tenho uma boa rela… eu sempre tive uma boa relação com CIRO (provavelmente Senador no PIAUI)… eu até que eu tinha contratos no PIAUI… mas é igual, é o mesmo problema…

RICARDO COUTINHO: É, eles são inconfiáveis…

DANIEL: É…

RICARDO COUTINHO: … é muito difícil…

DANEL: Eu perguntei… já, mais ou menos sabendo a resposta…

RICARDO COUTINHO: Eu aí num … eu particularmente num…

DANIEL: Não, deixa quieto… a gente não vai participar com eles… .

RICARDO COUTINHO: Desde 2010 que eu num… eu num vejo…

DANIEL: A gente tá andando normal pelas diretorias do ministério… que eles tem que escolher um laboratório oficial mesmo… então, eles tão encantados com a gente… tá indo muito bem… o LIFESA tá… se hoje… sendo muito bem visto… esse negócio do ministério tá andando… era só pra lhe dar um feedback dos PORTUGUESES, o quê que é… são essas moléculas… vou deixar com o senhor essa apresentação… terceiro ponto… esse é que é muito legal… o quê que acontece… UFPB… GOVERNADOR, demos um tiro maravilhoso… o que acontece… o CANABIDIOL… que é na realidade da MACONHA…

RICARDO COUTINHO: É…

Ricardo Coutinho seria sócio oculto do LIFESA

Após ser preso, em delação ao Ministério Público, Daniel Gomes deu detalhes de um esquema envolvendo a compra do Laboratório Público da Paraíba (Lifesa), numa “sociedade oculta” com o ex-governador Ricardo Coutinho. A operação foi feita por meio da empresa Troy SP Participações, em nome de dois funcionários seus: Sergio Motta e Maurício Neves.

Confira documentos

Pesquisa com canabidiol

O canabidiol (CBD) é uma das 113 substâncias químicas canabinoides encontradas na Cannabis, e que constitui grande parte da planta, chegando a representar mais de 40% de seus extratos.

Diferente do principal canabinoide psicoativo na maconha, o delta-9-tetrahidrocanabinol (THC), o canabidiol não produz euforia nem intoxicação. Canabinoides têm seu efeito principalmente ao interagir com receptores específicos nas células do cérebro e do corpo.

No Brasil, o canabidiol já pode ser prescrito por médicos psiquiatras, neurologistas e neuro-cirurgiões em receita especial de duas vias. Em 2015 a ANVISA remanejou a substância para a Lista C1 do Controle Especial, fazendo com que a mesma deixasse de fazer parte da lista de substâncias proibidas

Canabidiol: Ministério Público Federal e Universidade Federal da Paraíba divulgam nota à sociedade

A propósito de terem sido citados em reportagem veiculada no Paraíba Rádio Blog, nesta terça-feira (21), sob o título “Grampo: Presos na Calvário pretendiam plantar maconha em terras da Universidade Federal da Paraíba”, acerca de tratativas para a produção de medicamento com padrão farmacêutico a partir do cultivo e manipulação da planta Cannabis.sp, (popularmente conhecida como maconha), o Ministério Público Federal (MPF) e a Universidade Federal da Paraíba (UFPB) esclarecem que todas as tratativas são públicas e ocorrem no âmbito dos inquéritos civis nºs 1.24.000.001421/2014-74 e 1.24.000.001047/2018-31, em curso no Ministério Público Federal em João Pessoa.

Trata-se de uma parceria com base em estudos científicos e amparo legal, cujo objetivo é proporcionar o medicamento em quantidade que atenda à grande demanda de pacientes não só na Paraíba, mas em âmbito nacional. Desde 2014, o MPF/PB atua em defesa dos pacientes portadores de patologias neurológicas – crianças, jovens e adultos -, obtendo avanços no âmbito judicial e extrajudicialmente. Além da Paraíba, também atuam na questão medicinal da Cannabis.sp outras unidades do Ministério Público Federal, a exemplo do MPF no Rio de Janeiro, Espírito Santo, Distrito Federal, Rio Grande do Norte, Pernambuco, Minas Gerais e Rio Grande do Sul.

Na atuação extrajudicial, divulgada amplamente na imprensa através entrevistas e participações em programas jornalísticos, MPF e UFPB sempre se pautaram pela transparência, nunca se negando a dar informações sobre as tratativas relacionadas à questão do uso medicinal da cannabis, com as portas sempre abertas à imprensa.

Durante essa atuação, MPF e UFPB fizeram tratativas e parcerias com diversas entidades e órgãos, como a Liga Canábica, Associação Brasileira de Apoio Cannabis Esperança (Abrace), Laboratório Industrial Farmacêutico da Paraíba (Lifesa), Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), Defensoria Pública do Estado da Paraíba, Defensoria Pública do Estado do Maranhão, Defensoria Pública da União (DPU), Assembleia Legislativa da Paraíba, Instituto Nacional do Semiárido (Insa), Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), Universidade Estadual do Piaui (UEPI), Universidade Federal do Piauí (UFPI), Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional Paraíba (OAB/B) e Sociedade Brasileira de Estudos Sobre a Cannabis (SBEC), além de personalidades de reconhecido destaque nos estudos que envolvem o tratamento neurológico com medicamentos produzidos a partir da maconha.

Os diálogos trancritos na matéria não reproduzem as tratativas que foram feitas, todas realizadas através de reuniões documentadas em atas nos autos dos inquéritos civis mencionados.

A Universidade Federal da Paraiba reafirma o seu compromisso com o ensino, a pesquisa e a extensão e assegura que todos os projetos institucionais cumprem todas as exigências da legislação brasileira.

Em todos os casos em que atua, o Ministério Público Federal age através de inquéritos civis disponíveis a toda a sociedade.

_MPF e UFPB_

 

Continue Lendo

Paraíba

Governo finaliza protocolo para retorno das aulas presenciais na Paraíba

Publicado

em

O Governo da Paraíba, através da Secretaria de Estado da Educação, finalizou a produção de um documento contendo um protocolo para realização do retorno gradual das aulas presenciais nas escolas paraibanas.

A Paraíba segue há seis meses sem atividades escolares presenciais e o documento para retomada deve ser publicado até o fim desta semana no Diário Oficial do Estado (DOE).

O protocolo prioriza ações que devem ser realizadas obrigatoriamente pelas unidades de ensino como, por exemplo, a identificação de pessoas que fazem parte do grupo de risco, a criação de comitês por cidade e região para acompanhar as medidas de proteção ao vírus nas unidades escolares, a realização de uma avaliação pedagógica para verificar o nível de aprendizagem dos alunos após o período de ensino remoto e o acompanhamento psicológico para professores e alunos após o retorno as atividades escolares.

Ainda no mês de julho, a Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) aprovou a constitucionalidade de dois projetos que dispõem sobre medidas de prevenção à Covid-19 na reabertura das escolas públicas e privadas do Estado.

O primeiro Projeto aprovado, o 1.854/2020, determina providências para medidas de prevenção à Covid-19 na reabertura das escolas públicas e privadas. Entre as ações está a implantação de um Plano de Retomada das aulas presenciais por parte das instituições de ensino, que inclua adaptação do ambiente escolar, redução do número de alunos nas salas de aula, disponibilização de água, sabão e toalhas de papel ou álcool gel em diferentes pontos da unidade escolar.

Já o segundo Projeto torna obrigatória a realização de testes diagnósticos do coronavírus-sars-cov-2 aos professores e funcionários das instituições de ensino, públicas e privadas, antes do reinício de suas atividades, em todo o estado da Paraíba. (Clique aqui para saber mais detalhes sobre os Projetos aprovados)

No Brasil, até o momento, a maioria dos Estados segue sem aulas presenciais, porém, as atividades pedagógicas “in loco” recomeçaram primeiramente no estado do Amazonas, em agosto, onde, duas semanas após a retomada, mais de 340 professores testaram positivo para a Covid-19.

Continue Lendo

Paraíba

Presidente da Juventude do Patriota deixa legenda e declara apoio a Cícero Lucena

Publicado

em

O presidente estadual da Juventude do Patriota, Luan Lima, de 18 anos, anunciou na manhã desta quarta-feira (23) sua decisão de apoiar a candidatura de Cícero Lucena (Progressistas) à Prefeitura de João Pessoa/PB.

Luan disse que Cícero é o nome que apresenta as melhores propostas para João Pessoa. “É uma decisão que leva em conta as propostas inovadoras e concretas apresentadas até agora por Cícero que já mostrou ter um olhar atento a juventude e não poderíamos deixar de estar ao lado dele nessa disputa”, declarou Luan.

Para Cícero, a chegada de Luan para integrar a campanha agrega muito, por ser um jovem com forte atuação na vida política da cidade e uma liderança legítima entre os estudantes secundaristas. “Luan é um jovem comprometido com boa parte das bandeiras que defendemos e ver tanta esperança e garra nos olhos dele é algo que nos enche de responsabilidade para fazer de fato de João Pessoa uma cidade mais humana, justa, solidária e inovadora”, disse.

Já a presidente municipal do Progressistas, Vaulene Rodrigues, recebeu a filiação de Luan com ânimo: “É com alegria e entusiasmo que recebemos o jovem secundarista Luan Lima. Como presidente do partido, jovem e também advinda das lutas do movimento estudantil universitário, vejo em Luan um grande quadro que embora muito jovem com seus 18 anos já se preocupa da melhor forma em contribuir com o futuro de nossa capital vindo somar ao projeto de Cícero Lucena e Léo Bezerra”, arrematou.

Continue Lendo

Paraíba

Zezé e Chicão têm candidaturas registradas no TSE para disputar Prefeitura de Santa Luzia

Publicado

em

O Sistema de divulgação de candidatura do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) registrou, nesta terça-feira (22), a candidatura à reeleição de José Alexandre de Araújo – Zezé para disputar a Prefeitura de Santa Luzia pelo MDB. Chicão (MDB) também teve o nome oficializado como candidato a vice- prefeito.

Eles compõem a Coligação “Trabalho e Progresso” (MDB, PTB, REPUBLICANOS e PSD), e aguardam deferimento do pedido de registro na Justiça Eleitoral para liberação do CNPJ da campanha.

Também já foram registradas as candidaturas de 17 pré-candidatos e pré-candidatas a vereador do MDB (veja lista abaixo), que irão tentar consolidar vagas na próxima legislatura da Câmara Municipal de Santa Luzia, nas eleições de 15 de novembro.

Os nomes de Zezé, Chicão e dos candidatos a vereador foram aclamados em convenção histórica do MDB, no último dia 15, em Santa Luzia. O evento contou com as presenças de lideranças dos partidos que compõem a coligação e de várias autoridades, a exemplo do deputado federal Hugo Motta (Republicanos), do deputado estadual Nabor Wanderley (Republicanos), do suplente de deputado estadual Dr. Galileu (Cidadania), e a presença virtual do senador e presidente estadual do MDB, José Maranhão, entre outras.

Confira abaixo os candidatos a vereador do MDB:

1. Antonio de Severo
2. Ceicinha Cabral
3. Daguia Lucena (Dagas)
4. Everaldo
5. Flávio Marinho
6. Galvincio
7. Geronil
8. Hominho
9. José Hilton
10. Linda de Orestes
11. Luzia de Armando
12. Marcone
13. Netto Lima
14. Professor Félix Júnior
15. Tereza
16. Thiago
17. Verônica

Continue Lendo