Nos acompanhe

Brasil

Abertas inscrições para segunda turma do projeto Você no Senado para estudantes de ensino superior

Publicado

em

Estão abertas desde a quinta-feira (7) até às 23h59 do próximo dia 12 de novembro as inscrições para a segunda turma do projeto Você no Senado, de iniciativa da senadora Daniella Ribeiro (Progressistas), em parceria com a Fundação Milton Campos (FMC). Podem se inscrever estudantes de ensino superior (graduação e cursos tecnólogos) de instituições da Paraíba devidamente credenciadas no Ministério da Educação, com idade mínima de 18 anos, sem vínculo ou parentesco com políticos ou partidos.

Os interessados podem se inscrever através do email vocenosenado@miltoncampos.org.br. Segundo a coordenadora da FMC, Ellen Konrad, apenas serão aceitas inscrições de quem atenda aos requisitos exigidos. O sorteio dos estudantes acontecerá na próxima quarta-feira (13), através de live nas redes sociais da FMC (@fmcmiltoncampos). É importante lembrar que, mesmo que sorteado, o participante deverá, obrigatoriamente, cumprir os requisitos.
A senadora Daniella Ribeiro, idealizadora do projeto, explicou que ao levar estudantes para conhecer os bastidores do Senado Federal, proporciona um maior entendimento de como funciona a rotina parlamentar e o processo legislativo, como um todo. Os sorteados viajarão à Brasília entre os dias 25 e 27 de novembro. “O nosso intuito é levar o maior número de pessoas ao Congresso Nacional, independentemente da área de atuação, através do nosso projeto que tem o caráter educativo, além de aproximar o povo do poder”, afirmou.

O objetivo da segunda turma do projeto Você no Senado é levar estudantes de nível superior de qualquer área do conhecimento, por entender que além da multidisciplinaridade que existe nos cursos, a política faz parte da vida e do dia a dia de todos os cidadãos brasileiros, de forma direta, inclusive.

Primeira turma – Em outubro, a turma pioneira do projeto, composta por jornalistas, visitou Brasília entre os dias 21 e 23. Nesse período, eles acompanharam a senadora Daniella Ribeiro em comissões, plenário, reuniões, fizeram visita-guiada ao Congresso Nacional, e assistiram palestras promovidas pela FMC.

Foto: Rizemberg Felipe

Continue Lendo

Artigos

RádioBlog faz pausa carnavalesca, cai na folia e retoma atividades na próxima quinta-feira

Publicado

em

Em ritmo carnavalesco, o Paraíba RádioBlog fará uma breve pausa, cairá na folia e retoma as atividades na próxima quinta-feira (27).

Bom carnaval a todos e, se beber, não dirijam!

Continue Lendo

Brasil

Pés de Barro: Para escapar de notificação da Corregedoria, Wilson Santiago tenta licença médica

Publicado

em

Após ter o mandato salvo pela Câmara mediante o compromisso de bastidor de que seu caso seria analisado pelo Conselho de Ética, o deputado Wilson Santiago (PTB-PB) tentou escapar de ser notificado pela Corregedoria da Casa, passo anterior à fase do Conselho. Ele chegou inclusive a apresentar um pedido de licença médica.

Foi preciso uma pressão contrária de líderes partidários e do presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ). Responsável por autorizar as licenças médicas, o 3º secretário da Mesa, Fábio Faria (PSD-RN), disse que, se o pedido chegar, a tendência é que não seja acatado.

Santiago recebeu na segunda (17) a notificação para apresentar sua defesa. O advogado do parlamentar não comentou o episódio.

Painel – Folha

Continue Lendo

Brasil

‘Um País que se divide entre retroescavadeira e bala…’

Publicado

em

O deputado federal Pedro Cunha Lima (PSDB-PB), presidente da Comissão de Educação da Câmara, não escondeu sua perplexidade com os dois tiros sofridos pelo senador licenciado Cid Gomes (PDT-CE), depois de tentar debelar um protesto de policiais militares usando uma retroescavadeira contra eles. Para o deputado, o episódio mostra bem um sério problema do Brasil.

“Um País que se divide entre retroescavadeira e bala… Será que não existe uma maioria para perceber que os dois lados estão errados?”, escreveu o deputado no seu Twitter.

Um país que se divide entre retroescavadeira e bala… Será que não existe uma maioria para perceber que os dois lados estão errados?

BR Político

Continue Lendo