Nos acompanhe

Negócios

Espanhol José Herrera expõe fotografias de prédios antigos de João Pessoa

Publicado

em

O fotógrafo hispano-brasileiro José Herrera abriu, nesta terça-feira (12), a exposição ‘Retalhos Parahybanos’ na Estação Cabo Branco, Ciência, Cultura e Artes, no Altiplano. Neste trabalho, o artista lança um olhar diferente sobre as fachadas dos prédios do Centro de João Pessoa.

No espaço, o visitante encontra 15 fotografias impressas em papel “fine art”, que oferece ao observador uma sensação de realismo em que a fotografia e pintura se misturam. José Herrera contou que João Pessoa tem mais de quatro séculos de existência e ainda preservar as edificações coloniais. “Nesta série lanço um olhar para a cidade da primeira metade do século XX. Por isso, faço referências ao nome da Capital desse momento histórico”, comentou.

As imagens desta série mostram uma visão panorâmica da Rua Maciel Pinheiro e arredores, com recortes de janelas, portas, fachadas e outros. “Enfatizo uma arquitetura vernacular que caracteriza um modo de viver e intervir no espaço urbano”, contou José Herrera.

A crítica de arte e curadora baiana, Matilde Matos, que escreve no material de divulgação de Herrera, comentou que ele sabe tirar partido dos contrastes, da junção inesperada de determinados elementos. “Da pátina de um muro velho ou da textura de uma parede descascada e repintada, fazendo com sobriedade e um mínimo de elementos”, escreveu.

José Herrera – Ele nasceu em Las Palmas de Gran Canária (ES) e viveu boa parte de sua vida em Salamanca (Espanha). Morou em Salvador (BA) e São Paulo (SP), mas hoje reside em João Pessoa (PB), cidade que escolheu para morar. José Herrera é engenheiro de profissão, estudou desenho e pintura, mas desde a década de 1980 se dedica à fotografia. Participou de exposições e salões fotográficos em Salamanca, Valladolid, Las Palmas de Gran Canária, sua terra natal. Expôs suas fotos em museus, galerias, bienais, fundações do Brasil e exterior. Foi premiado no 2º concurso de Fotografia do Mercosur, em Montevideo (UR) e do VIII Concurso de fotografia Momentos de la lecturam de la Fundacion Alonso Quijano, em Málaga (ES). Em João Pessoa, ele expôs a série “Filipeia Minimalista”, 2016, no Sesc Paraíba.

SERVIÇO:
EXPOSIÇÃO RETALHOS PARAYBANOS
Expositor: José Herrera.
Local: rampa do prédio administrativo
Horário de visitação: terça a sexta-feira das 9h às 18h, e sábado, domingo e feriado de 10h até 19h.
Entrada gratuita
Classificação: Livre
Em cartaz até o dia 5 de maio
Mais informações:
www.joaopessoa.pb.gov.br/estacaocb
Fones: 3214-8270 ou 3214-8303

CONTATO PARA IMPRENSA:
Larissa França (curadora): 9 8690-0179
José Herrera: 0055 83 999 27 9717 (Brasil) ou 0034 637 41 4498 (Espanha)

Continue Lendo

Negócios

Oportunidade: Santander leiloa imóveis na Paraíba pela internet com descontos de até 54%

Publicado

em

Até esta sexta feira, 29, o Santander leiloa pela internet 96 imóveis, com descontos que chegam até 54% e possibilidade de financiamento de 420 meses. Para participar do leilão, basta cadastrar-se no site da Sold Leilões Online, criar um login e uma senha e se habilitar para ofertar lances no caso de interesse.

Os imóveis – casas, terrenos, apartamentos e unidades comerciais – estão localizados em São Paulo, Bahia, Espírito Santo, Maranhão, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Paraíba, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Sergipe. Os lances iniciais variam de R$ 42,6 mil a R$ 1,9 milhão e as unidades adquiridas virão com taxas de condomínio e IPTU quitados.

No Rio Grande do Sul, há por exemplo um sobrado com quatro suítes, na cidade de Torres, com lance inicial em R$ 762.300, o que representa o desconto máximo de 54%.Em Minas Gerais há imóveis em seis municípios, como Belo Horizonte, que conta com um apartamento de 88,44 m², uma vaga de garagem e tem o lance inicial de R$ 246 mil. Já em Monte Mor, São Paulo, um apartamento com dois quartos e uma vaga na garagem sai a partir de R$ 92.700.

Na cidade do Rio de Janeiro, uma casa de 244 m² em um condomínio no Recreio dos Bandeirantes, zona oeste, tem três vagas na garagem e tem lance a partir de R$ 918 mil. Há outra casa em condomínio no município de Macaé a partir de R$ 114 mil.

As unidades podem ser visitadas mediante agendamento pelo e-mailimoveis.sac@sold.com.br. Para visualizar todos os lotes acesse o site da Sold.

Continue Lendo

Negócios

Concessionárias de luz, água e gás não poderão mais cobrar por leitura de estimativa

Publicado

em

O deputado estadual Wallber Virgolino (Patriota), protocolizou o Projeto de Lei 212/2019 que proíbe as concessionárias de luz, água e gás de fazer a cobrança por estimativa, pelo consumo de determinado insumo. O PL ainda vai ser aprovado pelas Comissões e logo após será encaminhado ao Plenário da Assembleia Legislativa para aprovação.

“Geralmente as concessionárias cobram por estimativa quando têm dificuldades de acesso à residência do consumidor, quando há um defeito no medidor ou em caso de indisponibilidade fiscal para fazer a leitura. Por isso a cobrança por estimativa, além de não corresponder ao valor efetivamente consumido, pode ocasionar o enriquecimento ilícito da fornecedora”, explicou Wallber Virgolino.

O parlamentar ainda ressaltou que a leitura do consumo real é uma obrigação da concessionária e que, na impossibilidade de se fazer, a cobrança do serviço deve ser feita pela tarifa mínima, sendo esse o entendimento mais recente do Sistema Tribunal de Justiça.

Continue Lendo

Negócios

Projeto de Lei que proíbe aumento das passagens de ônibus sem prévia melhoria da frota

Publicado

em

O deputado estadual Wallber Virgolino (Patriota) protocolizou um Projeto de Lei (213/2019) que pretende vetar o aumento das tarifas dos transportes coletivos municipal e intermunicipal sem a prévia melhoria necessária nos veículos no Estado da Paraíba.

Segundo o parlamentar, esse Projeto de Lei é um pedido da população, que passa a questionar o aumento das passagens sem que as empresas cumpram com as melhorias em sua frota.

“O que vemos em todo Estado, são inúmeros veículos sem a menor condição de uso, visto que muitos não realizam sua conservação e nem atualizam suas frotas para prestar um melhor serviço para seus usuários”, disse Virgolino.

O Projeto seguirá agora para as Comissões Temáticas e logo após segue para aprovação em Plenário.

Continue Lendo