Nos acompanhe

Paraíba

TCE aprova licitações do Estado e prefeituras para compra de alimentos, combustíveis e remédios

Publicado

em

A 2ª Câmara do Tribunal de Contas da Paraíba aprovou, em sessão ordinária nesta terça-feira (12), durante exame de uma pauta de 164 processos, procedimentos licitatórios de órgãos municipais e estaduais referentes à compra de combustíveis, alimentos, medicamentos, além de materiais e equipamentos médico/hospitalar.

Da Secretaria de Estado da Administração, a Câmara examinou os processos 20059/17 e 08816/14, votando ao final pela regularidade das licitações 229/17 e 144/14, – modalidade pregão presencial – destinadas à compra de alimentos (carne, frango e peixe).

Foram considerados regulares dois pregões – números 021/2017 e 028/2017, nos autos dos processos 08279/17 e 10391/17 – destinados à compra, pela prefeitura de São José de Piranhas, de medicamentos e materiais e equipamentos odontológicos, de fisioterapia e médico/hospitalar.

Pela regularidade foi igualmente a votação, unânime, do pregão 0044/2017, pelo qual a prefeitura de Manaíra destinou recursos de R$ 1 milhão à aquisição de combustíveis.

Ainda foram aprovados, na mesma sessão, três outros procedimentos, na mesma modalidade, das prefeituras de Triunfo, Uiraúna e Cajazeiras, após análise dos processos 11109/17, 12151/17 e 11830/18.

Após análise dos processos 07076/18 e 05710/18, foram julgadas regulares  as prestações de contas anuais, relativas ao exercício 2017, da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação de Campina Grande, e do Instituto de Previdência de Poço José Moura.

A 2ª Câmara examinou também dezenas de pedidos de concessão de registro de aposentadorias e pensões de servidores públicos (e/ou dependentes), além de processos referentes a denúncias e representações de acumulação ilegal de cargos/funções públicas, e outros relativos a recursos e verificações de cumprimento de decisões da Corte.

A sessão nº 2934, presidida pelo conselheiro Arthur Cunha Lima, contou com a presença do conselheiro André Carlo Torres Pontes, dos conselheiros substitutos Antônio Cláudio Silva Santos e Oscar Mamede Santiago Melo; além do procurador Bradson Camelo, atuando pelo Ministério Público de Contas.

Continue Lendo

Paraíba

Operação Calvário: Alegando questões de foro íntimo, Sólon Benevides deixa defesa de Livânia Farias

Publicado

em

EXCLUSIVO: Alegando questões de foro íntimo, o advogado Sólon Benevides acaba de se afastar da defesa da ex-secretária de estado, Livânia Farias, alvo da Operação Calvário, do Ministério Público Estadual. Solón esteve na tarde de hoje (22) na 6º Companhia de Polícia Militar, em Cabedelo, onde oficializou à cliente o afastamento do caso.

Na manhã desta segunda-feira (22), setores da imprensa, entre eles o RádioBlog, noticiaram o início do processo de delação premiada de Livânia Farias.

Fontes ligadas ao RádioBlog informam que em depoimento ao Grupo de Atuação Especial Contra o Crime Organizado do Ministério Público da Paraíba (Gaeco/MPPB), a ex-secretária Livânia Farias teria entregue esquema envolvendo ao menos duas parlamentares estaduais. Livânia Farias se encontra presa no destacamento policial em Cabedelo, desde 16 de março.

Leia também:

Estranho! Presidente da Cruz Vermelha foi chefe de gabinete da deputada Estela Bezerra

Sala alugada por Cida Ramos está entre endereços investigados

Das parlamentes que teriam sido entregues por Livânia ao Gaeco, uma há vários dias já não comparece às sessões na Assembleia Legislativa, tendo a ausência sido notada e comentada nos corredores da Casa. Outra, não deixou plenário, mas faz ameaças de processo contra quem ousar associar seu nome à operação que revelou o maior esquema de corrupção já visto no Estado da Paraíba.

Ainda segundo informações da fonte, o “Big Boss” do esquema criminoso na Paraíba também teria sido entregue pela ex-aliada. “O sonho de gestor municipal poderá ser permutado por líder de cela”, disse a fonte.

Presa há quase 40 dias, Livânia Farias teria iniciado o processo de colaboração com as investigações e pode ganhar liberdade monitorada nos próximos dias.

 

Continue Lendo

Paraíba

Operação Calvário: Ao GAECO, Livânia Farias teria entregue esquema envolvendo duas parlamentares

Publicado

em

Fontes ligadas ao RádioBlog informam que em depoimento ao Grupo de Atuação Especial Contra o Crime Organizado do Ministério Público da Paraíba (Gaeco/MPPB), a ex-secretária Livânia Farias teria entregue esquema envolvendo ao menos duas parlamentares estaduais. Livânia Farias se encontra presa no destacamento policial em Cabedelo, desde 16 de março.

Leia também:

Estranho! Presidente da Cruz Vermelha foi chefe de gabinete da deputada Estela Bezerra

Sala alugada por Cida Ramos está entre endereços investigados

Das parlamentes que teriam sido entregues por Livânia ao Gaeco, uma há vários dias já não comparece às sessões na Assembleia Legislativa, tendo a ausência sido notada e comentada nos corredores da Casa. Outra, não deixou plenário, mas faz ameaças de processo contra quem ousar associar seu nome à operação que revelou o maior esquema de corrupção já visto no Estado da Paraíba.

Ainda segundo informações da fonte, o “Big Boss” do esquema criminoso na Paraíba também teria sido entregue pela ex-aliada. “O sonho de gestor municipal poderá ser permutado por líder de cela”, disse a fonte.

Presa há quase 40 dias, Livânia Farias teria iniciado o processo de colaboração com as investigações e pode ganhar liberdade monitorada nos próximos dias.

Continue Lendo

Paraíba

Calvário: “É muito bom ver nossa justiça funcionando, mostra que ninguém está acima da lei”

Publicado

em

Procurada pelo RádioBlog para comentar os desdobramentos da Operação Calvário e a prisão da ex-secretária Livânia Farias, que na última semana completou 30 dias atrás das grades, a deputada estadual Camila Toscano (PSBD) disse que “é muito bom ver a nossa justiça funcionando, o que mostra que ninguém está acima da lei, que ninguém é melhor do que ninguém”.

Segundo a deputada, a lei está sendo cumprida. “Aqui na Assembleia nós continuamos o trabalho, a oposição e a situação trabalhando em prol da Paraíba, mas é inevitável que um, ou outro, toque nessa questão da Calvário”, disse. “Não estou aqui comemorando a prisão de ninguém, mas estou comemorando a justiça funcionando”, completou.

Camila Toscano disse ainda esperar que a Operação Calvário continue e que possa desvendar todo o esquema de corrupção montado na Paraíba.

Confira o áudio:

Continue Lendo