Nos acompanhe

Brasil

Tasso indica Cássio para compor comissão do pleito que decidirá rumos do PSDB

Publicado

em

O governador de Goiás, Marconi Perillo, comunicou no domingo ao ex-presidente Fernando Henrique Cardoso que concorda com a definição de uma chapa única para a eleição do Diretório Nacional do PSDB, mas afirmou que manterá sua candidatura à presidência do partido. Na convenção da legenda, marcada para dezembro, o diretório escolherá a nova executiva do partido, inclusive o presidente. Os candidatos podem se apresentar com uma chapa completa, ou em uma candidatura avulsa.

O presidente interino, Alberto Goldman, e Fernando Henriquetentam evitar a disputa entre Perillo e o senador Tasso Jereissati (CE), colocando o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, como um nome de consenso. Alckmin já avisou, contudo, que só aceitaria se fosse aclamado, sem disputar com os outros dois candidatos, informa reportagem de Maria Lima, de O Globo.

Um dia depois das convenções que elegeram as executivas estaduais, que vão eleger o Diretório Nacional, Perillo demonstrou segurança e avisou que não pretende abrir mão da candidatura:

— O fato é que minha candidatura está absolutamente de pé. Vou até a convenção como candidato a presidente do PSDB, sempre buscando a unidade e o consenso. Ontem à noite falei com FH, que estava em Washington. A consulta, se concordaria com uma chapa única, já tinha sido feita pelo presidente Goldman. Eu disse que concordo. Na hora da Executiva é outra conversa. Fazer duas chapas é uma complicação grande. Na hora de escolher a Executiva, se tiver duas candidaturas ou três, vota, escolhe, define, quem ganhar ganhou, terá o apoio dos outros e vamos tocar para a frente, vamos trabalhar para ganhar a eleição em 2018 — disse Marconi.

A primeira reunião da comissão eleitoral criada por Goldman para organizar a convenção nacional acontecerá nesta terça-feira. A comissão é integrada por Goldman, o secretário-geral Silvio Torres (SP), o diretor administrativo João Almeida e dois representantes dos dois candidatos. Perillo indicou os deputados Giuseppe Vecci (GO) e Nilson Pinto (PA). Tasso indicou o deputado João Gualberto (BA) e o senador Cássio Cunha Lima (PB), vice-presidente do Senado.

O senador cearense está fora do país nessa semana e deverá se encontrar com Fernando Henrique nos Estados Unidos, para conversar sobre uma possível chapa única, com Alckmin.

— Vou marcar de conversar com quem estiver no Brasil. O balanço das convenções foi positivo, muita animação. Mostrou que o partido não acabou, pelo contrário — disse Goldman.

Continue Lendo

Brasil

Vídeo: Paraibana, Raquel Sheherazade diz a Bolsonaro: “Acorda, presidente!”

Publicado

em

Confira o vídeo: A jornalista paraibana, Raquel Sheherazade, se manifestou em vídeo publicado na rede social sobre a polêmica envolvendo declarações agressivas feitas na sexta-feira (19) pelo presidente da República, Jair Bolsonaro (PSL), e disparou: “Acorda Presidente!”

 

 

Continue Lendo

Brasil

Colegiado de Presidentes de Assembleias do Nordeste divulga nota sobre polêmica de Jair Bolsonaro

Publicado

em

O Colegiado de Presidentes de Assembleias Legislativas dos Estados do Nordeste (ParlaNordeste) recebeu, com repulsa, as declarações preconceituosas do presidente da República, Jair Bolsonaro, nesta sexta-feira, 19 de julho.   A região, terceira maior economia do Brasil, é morada de 53 milhões de brasileiros que têm orgulho de viver não só na Paraíba, mas também, no Maranhão, em Pernambuco, Alagoas, Sergipe, Bahia, Rio Grande do Norte, Ceará e Piauí.
O ParlaNordeste ressalta o importante trabalho desenvolvido pelos nove governadores eleitos e reeleitos democraticamente pelo povo nordestino, os quais não têm medido esforços para promoverem o desenvolvimento dos seus estados e proporcionarem uma vida digna à população. Por isso, lutaremos contra todo tipo retaliação em função de diferenças políticas ou preconceito. Exigimos respeito e não abriremos mão do cumprimento dos deveres do Governo Federal para com a nossa região.
Othelino Neto – presidente do Parlanordeste (MA)
Adriano Galdino (PB) – vice-presidente do Parlanordeste
José Sarto (CE) – secretário do Parlanordeste
Themístocles Filho (PI)
Luciano Bispo (SE)
Nelson Leal (BA)
Marcelo Vitor (AL)

Continue Lendo

Brasil

Bolsonaro se defende de críticas a declaração sobre o Nordeste

Publicado

em

O presidente Jair Bolsonaro tentou se defender neste sábado, 20, das críticas que tem recebido após um áudio vazado mostrar ele falando de forma pejorativa de governadores do Nordeste. O presidente negou ter ofendido os nordestinos e disse que as declarações foram distorcidas. “Falei sobre governadores do Maranhão e da Paraíba, que são intragáveis. Tenho tanta crítica ao Nordeste que casei com a filha de um cearense”, disse a jornalistas em frente ao Palácio da Alvorada.

Em um café da manhã com correspondentes internacionais, Bolsonaro apareceu dizendo ao ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni: “Daqueles governadores de ‘paraíba’, o pior é o do Maranhão. Não tem que ter nada com esse cara”. O governador em questão, Flávio Dino (PCdoB), e outros políticos nordestinos condenaram a declaração em uma carta, destaca publicação da Veja.

Bolsonaro disse que foi “uma crítica em 3 segundos” e que a imprensa “fez uma festa” com a declaração. Questionado sobre se a declaração pode atrapalhar a votação da reforma da Previdência na Câmara, Bolsonaro disse que o Parlamento não “é tão raso” a esse ponto.

“Eles [os governadores do Nordeste] são unidos. Eles têm uma ideologia, perderam as eleições e tentam o tempo todo através da desinformação manipular eleitores nordestinos”, disse o presidente.

Continue Lendo